«

»

mar. 06 2014

Imprimir Post

Militar uruguaio atuante na Operação Condor vive impune no Brasil

uruguaiocondor

Cidadania brasileira assegura ao ex-militar direito de não ser extraditado para ser julgado em seu país

O coronel uruguaio Pedro Antônio Mato Narbondo, acusado pelo desaparecimento de quatro militantes de esquerda em 1976 em seu país, foi encontrado morando no sul do Brasil. Narbondo possui cidadania brasileira. O ex-militar responde por crimes de sequestro, tortura e assassinato no Uruguai. É também réu na Argentina e na Itália.

Cidadania brasileira assegura ao ex-militar direito de não ser extraditado para ser julgado em seu país
Ele é um dos 17 militares e civis uruguaios denunciados em 2007 na Justiça italiana pelo procurador Giancarlo Capaldo pela morte e o desaparecimento de 23 cidadãos latino-americanos de origem italiana. Os crimes ocorreram durante a operação Condor, ação conjunta das ditaduras nos países do Cone Sul – Brasil, Argentina, Chile, Bolívia, Paraguai e Uruguai –, que reprimiu de maneira truculenta opositores aos regimes.

Procurado pela Interpol, o coronel tem garantida sua impunidade no Brasil, graças à cidadania que adquiriu em 2003, pelo fato de sua mãe ser brasileira. Segundo Jair Krischke, presidente do Movimento Justiça e Direitos Humanos no Rio Grande do Sul, em entrevista à Rádio Brasil Atual, o ex-militar não pode ser extraditado para ser julgado em seu país.

Narbondo não é o primeiro caso de refugiados da operação Condor. Outros três militares argentinos tentaram se beneficiar no Brasil da Lei de Anistia, mas acabaram foram extraditados e julgados, como relata Krischke, para quem o militar uruguaio ainda teria de ser julgado. “Não se pode abrigar a impunidade.”

O coronel já foi convocado pela Justiça uruguaia, mas não compareceu. Seu advogado, inclusive, entrou com pedido de habeas corpus preventivo no Supremo Tribunal Federal, para evitar que possa ser preso a qualquer momento. A denúncia de que Pedro Antônio Mato Narbondo está no Brasil foi feita em dezembro do ano passado pelo repórter do Uruguai, Roger Rodríguez.

Fonte: Rede Brasil Atual


QR Code - Take this post Mobile!

Faça a leitura deste código QR (Quick Response) com o seu smartphone ou tablet. O código conduzirá à URL desta página que será salva no seu o dispositivo móvel para acesso, compartilhamento e armazenamento.

Link permanente para este artigo: http://www.forumverdade.ufpr.br/blog/2014/03/06/militar-uruguaio-atuante-na-operacao-condor-vive-impune-no-brasil/

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *