«

»

mar. 20 2015

Imprimir Post

LEMBRAR É (RE)EXISTIR – Relatório Raul Amaro Nin Ferreira

Raul Amaro

Fonte: Editora PUC-Rio

Clique aqui para baixar o livro.

 

O livro que se oferece à nossa leitura guarda em suas páginas uma história de horrores. Mas é sobretudo de heroísmo e de solidariedade que ele nos fala.

É o protagonista dessa história triste, Raul Amaro Nin Ferreira, quem utilizou a palavra horror para caracterizar o que viveu quando foi preso, interrogado, torturado e morto em mãos de agentes do Estado, em agosto de 1971, quando o arbítrio e os abusos de poder dominavam a cena política brasileira. Suas últimas palavras que conhecemos foram ditas a um enfermeiro do Hospital Central do Exército, onde foi assassinado: Tire-me desse horror, Pedro.

Raul tinha 27 anos, era o mais velho de nove irmãos, formara-se em Engenharia Mecânica pela PUC-Rio, estava noivo e acabava de ganhar uma bolsa de estudos para a Holanda quando foi detido e conheceu os círculos infernais dos porões da ditadura.

Foram muitos os brasileiros submetidos aos mesmos horrores que mataram Raul. Muitos jovens tiveram esse mesmo destino. Em sua história e na memória do que viveu, estão os ecos de muitas outras vidas.

Os horrores que roubaram a vida e os sonhos de Raul atingiram em cheio sua família e seus amigos. Seus pais percorreram todos os caminhos do absurdo para recuperar o corpo do filho morto. Seus 8 irmãos e sua noiva tiveram as vidas avassaladas pela dor. E nenhum dos amigos foi o mesmo depois de sua morte.

No entanto, é de heroísmo e de solidariedade que esse livro trata. Raul foi assassinado por ser solidário e enfrentou a tortura e a morte com dignidade e heroísmo. Seus pais tiveram a essas nesnas atitudes diante da perda do filho. D. Mariana, sua mãe, soube passar por cima da própria dor para contruir uma rede de solidariedades.

A herança de Raul, recolhida por seus pais, por seus irmãos, sobrinhos e por todos aqueles que o amavam é uma herança de heroísmo e de solidariedade. A PUC-Rio se orgulha de tê-lo ente seus ex-alunos.

Professora Margarida de Souza Neves
Núcleo de Memória da PUC-Rio


QR Code - Take this post Mobile!

Faça a leitura deste código QR (Quick Response) com o seu smartphone ou tablet. O código conduzirá à URL desta página que será salva no seu o dispositivo móvel para acesso, compartilhamento e armazenamento.

Link permanente para este artigo: http://www.forumverdade.ufpr.br/blog/2015/03/20/lembrar-e-reexistir-relatorio-raul-amaro-nin-ferreira/

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *