«

»

abr. 23 2015

Imprimir Post

Procuradoria da Itália pede prisão perpétua de agentes gaúchos que cometeram crimes na Ditadura

Ex-agentes foram denunciados pelo desaparecimento de militante ítalo-argentino em Uruguaiana, em 1980

Militante Lorenzo Viñas foi sequestrado e morto na Fronteira do Estado em 1980. Foto: CNV

Militante Lorenzo Viñas foi sequestrado e morto na Fronteira do Estado em 1980. Foto: CNV

 

Fonte:Lucas Rivas/Rádio Guaíba

 

A Procuradoria de Roma apresentou denúncia formal contra quatro gaúchos envolvidos no sequestro e assassinato do cidadão ítalo-argentino Lorenzo Viñas, desaparecido em Uruguaiana, na Fronteira Oeste, em 26 de junho de 1980. Caso a Justiça da Itália aceite a denúncia, os três militares e um policial civil serão condenados a prisão perpétua no país europeu por crimes cometidos durante a Operação Condor. O pedido foi formalizado em março.

Os denunciados foram … clique aqui para ler o restante da matéria.

 

 

Coronel gaúcho acusado de envolvimento na Operação Condor apresenta defesa

Fonte: Correio do Povo – Porto Alegre – Heron Vidal

Notificado pelo Tribunal de Roma (Itália) em março passado, junto com mais três gaúchos acusados de estarem envolvidos no desaparecimento do cidadão ítalo-argentino, Lorenzo Viñas, o ex-secretário da Segurança Pública do RS, coronel da reserva João Osvaldo Leivas Job, apresentou sua defesa dentro do prazo de 20 dias, oferecido pela corte.

Conforme seu advogado, Amadeu Weinmann, a defesa foi ... clique aqui para ler o restante da matéria.


QR Code - Take this post Mobile!

Faça a leitura deste código QR (Quick Response) com o seu smartphone ou tablet. O código conduzirá à URL desta página que será salva no seu o dispositivo móvel para acesso, compartilhamento e armazenamento.

Link permanente para este artigo: http://www.forumverdade.ufpr.br/blog/2015/04/23/procuradoria-da-italia-pede-prisao-perpetua-de-agentes-gauchos-que-cometeram-crimes-na-ditadura/

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *